gototopgototop
Home

Banner
Banner

Usuários Online

Nós temos 3 visitantes online


Eventos

A escola Virtual de Cidadania da Câmara de Vereadores de São José dos Pinhais e a primeira experiência Brasileira na rede INTERNET dedicada ao ensino permanente dos fundamentos da democracia participativa.


Nossa Escola de Cidadania foi criada recentemente nas instalações da Câmara num espaço especialmente equipado e dirigido pôr especialistas em Educação , Historia e Comunicação.


A Escola Virtual de Cidadania nasce como mecanismo de promoção e maior interatividade entre os cidadãos e seus representantes, com o fim de estimular á população a participar quotidianamente dos debates do processo Legislativo tornando-se peça central de controle externo na dinâmica da fiscalização mutua entre o Legislativo e o Executivo.

Objetivos

  • Permitir o controle social do Parlamento , um dos fundamentos da democracia , tão pouco praticado quanto estudado, pois faltam meios de interatividade entre os cidadãos e seus representantes alem do dia das eleições.
  • Mostrar a correlação entre a legitimidade do Estado e a democratização das suas Instituições, tendo a informação como variável fundamental neste processo.
  • Aproveitar a disponibilidade da tecnologia da informação e formar opinião política a partir dela, facilmente acessível, gratuita e permanente.

São condições de elegibilidade para o cargo de Vereador:

    • Nacionalidade Brasileira;
    • o pleno exercício dos direitos políticos;
    • o alistamento eleitoral;
    • o domicílio eleitoral na circunscrição;
    • a filiação partidária e a idade mínima de dezoito anos.

    A Câmara reúne-se em sessões Ordinárias, Extraordinárias ou Solenes conforme dispõe o Regimento Interno. A sessão Extraordinária só deliberará sobre a matéria para a qual foi convocada.

    ft-vereador-pA Mesa Diretiva que a conduz tem mandato por dois anos, sendo permitida a reeleição de seus membros, e compõe-se do Presidente, Vice Presidente, Primeiro Secretário e Segundo Secretário, os quais se substituirão nessa ordem.


    O Poder Legislativo Municipal é o que está mais próximo da população, porém a relação Sociedade - Câmara de Vereadores, teve um importante desenvolvimento tornando o processo mais transparente e interativo.


    Nas sociedades democráticas, o Parlamento Municipal é o espaço natural e obrigatório para a definição de regras legais, fiscalização e controle do Poder Executivo , além de ser uma das formas de expressão da sociedade civil.


    Na Câmara de Vereadores de São José dos Pinhais a obediência às regras democráticas que regulam os antagonismos, exige a seus membros, ao mesmo tempo consenso e diversidade.


    A prática permanente do debate, substituindo lutas partidárias pôr lutas políticas, ou seja, luta de idéias que determinam através das eleições, o vencedor provisório das idéias em conflito.


    Nesse forte abraço com o complexo sistema democrático, a Câmara de São José dos Pinhais nutre-se do espírito dos indivíduos, da sua liberdade de opinião e de expressão, do seu civismo e criatividade, construindo a estrada que nossas crianças percorrerão, fazendo com que as mesmas estejam mais conscientes, seguras e orgulhosas de terem nascido nesta terra.

     
    Programa Fala Cidadão recebe sugestões de moradores do Guatupê PDF Imprimir E-mail
    Escrito por Renata Teixeira Gomes   
    Ter, 10 de Julho de 2012 19:24

    Pesquisa é realizada no maior colégio da região

    Programa_Fala_Cidado_recebe_sugestes_de_moradores_do_Guatup_01

    O Programa Fala Cidadão, da Câmara Municipal de São José dos Pinhais, está sendo realizado na região norte do município. As urnas foram instaladas no pátio do Colégio Estadual Guatupê para que os moradores possam dar suas sugestões de melhorias.

    O programa faz parte da Escola de Cidadania da Câmara e é um instrumento permanente de participação popular em que as urnas itinerantes são instaladas em locais de fácil acesso público. É um canal de comunicação entre o Legislativo e a sociedade, que pode expor sugestões, críticas e denúncias. “A participação tem sido expressiva, alunos, pais e demais membros da comunidade estão contribuindo com a pesquisa”, conta a coordenadora da Escola de Cidadania, Teresinha do Rosário.

    O resultado obtido através do questionário e das sugestões serão analisados pela escola e pelos alunos participantes do programa Vereador Mirim, para que possam transformarem-se, posteriormente, em indicações ao Executivo. As urnas continuam instaladas no Colégio Guatupê até a próxima semana. Os colégios interessados em participar do Fala Cidadão podem entrar em contato com a Câmara através do telefone 3299-6595.

    Participao_feminina__expressiva

    Renata Teixeira Gomes

    Assessoria de Imprensa 11/06/2012


    Última atualização em Ter, 10 de Julho de 2012 19:51
     
    Câmara Municipal lança cartilha da Escola de Cidadania PDF Imprimir E-mail
    Escrito por Renata Teixeira Gomes   
    Ter, 10 de Julho de 2012 17:46

    Material conta história do município e função dos três poderes em linguagem própria para os jovens

     Cmara_Municipal_lana_cartilha_da_Escola_de_Cidadania

    O Legislativo são-joseense lançou, na manhã desta quarta-feira (14), a nova cartilha da Escola de Cidadania. Em linguagem adequada à comunicação com os jovens, a cartilha conta a história do município e as funções dos três poderes.

    Na ocasião estiveram presentes o prefeito Ivan Rodrigues, os vereadores Professor Assis (PSDB), Gastão Vosgerau (PSDB) e Toninho da Anderson (PSD), diversos secretários municipais e diretores, professores e alunos das escolas do município.

    O presidente da Câmara, vereador professor Assis, agradeceu aos que tornaram possível a produção da cartilha. “O Legislativo tem, há muito tempo, tentado se aproximar da população, em especial de crianças e jovens. Com a cartilha buscamos informar as ações da Escola de Cidadania, a história da cidade e o papel dos três poderes. Agradeço as pessoas que se dedicaram na pesquisa e produção do trabalho”.

    Ao fazer uso da palavra o prefeito Ivan Rodrigues destacou a importância do processo democrático. “Discutir a formação dos jovens para a cidadania é fundamental para a preservação da democracia. É esse aprendizado que vai solucionar efetivamente os problemas brasileiros”, disse.

    A Escola de Cidadania da Câmara Municipal de São José dos Pinhais busca contribuir com a inclusão social e política dos cidadãos de maneira a formar consciência de deveres e direitos. Para o desenvolvimento das atividades foram criados os programas Visitas Orientadas, Vereador Mirim e Fala Cidadão.

    A cartilha, que conta a história do município e funções dos três poderes em quadrinhos, será distribuída nas escolas de São José dos Pinhais. Auxiliaram a autora e ilustradora Cristiane Nogueira, a historiadora Maria Angélica Marochi, a professora Marghareth Pereira e o artista plástico Roney Erthal. “Decidimos fazer o formato cartilha porque havia muita informação a ser repassada. São 36 páginas ilustradas e colorizadas, com linguagem de fácil compreensão destinada ao leitor jovem. Para falarmos dos três poderes foram criados personagens que os representam. Este material é uma ferramenta para resgatar o interesse e a participação dos jovens nas questões políticas”, conta Cristiane.

    lanamento_cartilha

    Última atualização em Ter, 10 de Julho de 2012 18:12
     
    Vereadores Mirins do Colégio Ipê apresentam indicações PDF Imprimir E-mail
    Escrito por Renata Teixeira Gomes   
    Ter, 10 de Julho de 2012 18:23

    Segurança e melhoria da infraestrutura são os principais pedidos

    Vereadores_Mirins_do_Colgio_Ip_apresentam_indicaes

    Após estudarem a respeito das funções legislativas, conhecerem as dependências da Câmara Municipal e assistirem suas sessões ordinárias, os vereadores mirins dos colégios participantes já estão apresentando suas reivindicações. Na pauta da sessão desta terça-feira (29), foi a vez dos alunos do Colégio Estadual Ipê solicitarem melhorias.

    De acordo com os pedidos, as maiores necessidades da instituição de ensino estão relacionadas à segurança e infraestrutura. Os vereadores mirins sugerem, ao Executivo, o aumento da altura dos muros da escola, intensificação do patrulhamento no entorno e instalação de câmeras de segurança. Entre as solicitações de infraestrutura estão a construção de calçadas, aplicação de antipó no estacionamento e melhoria na iluminação pública na região. Os alunos pedem ainda, disponibilização de trinta computadores e ônibus escolar para estudantes do Jardim Ipê II.

    Para a coordenadora Edmea Oliveira, as indicações são de extrema necessidade. “Os vereadores mirins reuniram-se com colegas, direção e professores para definirem as prioridades. Após pesquisas chegamos a oito pedidos, mas ainda há muito a ser feito. Estamos esperando a resposta do Executivo”, afirmou.

    O Colégio Estadual Ipê, localizado no bairro de mesmo nome, atende cerca de 1200 alunos de ensino fundamental e médio. Também participam do programa Vereador Mirim os colégios estaduais Costa Viana, Irmã Ambrósia Sabatovich, Guatupê, Zilda Arns, Lindaura Ribeiro Lucas, Unidade Polo e Chico Mendes.

    Renata Teixeira Gomes

    Assessoria de Imprensa 29/05/2012